Organize O Seu Armário
E Se Vista Sem
Estresse Todo Dia

Toda vez que sou chamada para organizar um armário ou closet, a visão geral é a mesma: um espaço abarrotado de roupas, todas bem imprensadas, o que, claro, dificulta a visualização e a organização.

O interessante é que noto na maioria das minhas clientes uma dificuldade enorme de “esvaziar” este armário, pois as peças preferidas e mais usadas, geralmente estão “fora” do armário.

Pois bem, então, qual a razão de manter tanta roupa que não é usada (e nem lembrada)?

 

Simples apego, dificuldade em decidir o que fica ou o que sai, pensamentos de que gastou uma fortuna e como vou me livrar…
Enfim, não importa o motivo.

O importante aqui é a sua decisão em adotar um novo estilo de vida, compatível com a sua realidade, com a sua rotina, com o que você precisa. Para isso,  é fundamental identificar o seu momento atual.

Definitivamente, não é toda mulher que deseja ser minimalista…

Mas, se você é o tipo de pessoa que se incomoda em ter um monte de roupa pendurada que não usa ou que não tem paciência para vasculhar entre as peças que não te dizem nada, para achar as que realmente gosta, fique aqui comigo até o final!

E convenhamos, quando se tem um determinado armário ou closet, você precisa se ater ao espaço que tem, caso contrário, ele irá transbordar, não é verdade?

Se o varão do seu armário só comporta 50 cabides, você não tem como ter 100 roupas penduradas…

Portanto, na jornada em que estamos, te convido a ler os outros posts e pensar na ideia de ter um guarda roupa mais funcional.

Link para os outros posts:

• Não tenho O Que Vestir

• Defina O Seu Estilo E Organize O Seu Armário

• Descarte: Porque Essa Decisão É Importante Para Você

Feito o descarte (parabéns se assim você fez!), você pode se perguntar quantos “buracos” surgiram.
Provavelmente, devem ser bem menos do que você inicialmente imaginou.
Deixe-me definir um “buraco” como um artigo que verdadeiramente iria fazer muita falta.

•Se você não tivesse calça jeans, seria um buraco enorme.

•Se você não tivesse algumas excelentes camisetas, sairia para comprar na hora.

•Provavelmente,você não precisa da sétima blusa de poliéster.

•Provavelmente, você não precisa do décimo par de sapatilhas.

•Provavelmente, você não precisa de mais uma bolsa de couro fake.

Então, uma vez que você já tenha descartado tudo o que não quer, é hora de identificar o que você precisa para reconstruir o seu guarda roupa.

Aqui, não leve em consideração aonde você comprou ou quanto gastou.
O seu limite será o número de cabides que o seu varão do armário comporta.
Se não der para colocar mais de 50 cabides, você terá que ser exigente!

Aqui, está uma lista do que considero “essencial” para a base do seu guarda-roupa (vale ressaltar aqui que os complementos e os acabamentos finais atenderão ao seu estilo, mais elegante, formal, casual ou  mais despojado).

• Calça preta skinny ou calça jeans reta azul escuro

• Calça jeans skinny ou calça jeans reta azul escuro

• Uma calça colorida skinny ou calça reta de tricoline, brim ou linho.

• Outro par de calça (alfaiataria, pantalonas, cigarrete, cropped, etc.)

• Camiseta decote v cinza

• Camiseta decote v preta

• Camiseta decote v branca

• Uma camisa jeans chambray

• Cardigans

• Blusa em tom neutro (seda, viscose, tricoline,etc.)

Repare que são peças básicas que fazem toda diferença no guarda roupa.
No próximo post, vamos adicionar os complementos e os acabamentos, assim como os acessórios.

Você terá um armário cheio de ideias e tempo de sobra para curtir o seu dia, sem o estresse de buscar a roupa ideal.

Lembre-se que se arrumar de manhã não precisa ser uma tortura!
Vestir as roupas nas quais você se sente super bem é o que importa.
Vista-se e vá em frente!

Gostou do post de hoje? Compartilhe com a sua amiga e não deixe de mandar as suas sugestões, dúvidas ou comentários.
Para mim é super importante saber o que você pensa e o que gostaria de ler aqui.

Até breve!
Beijos
Cintia