Desapego – Vamos começar?

Dicas para Organização

Para muitos de nós (inclusive eu mesma!), tornar a casa e a vida  mais bem organizada está no topo da nossa lista de objetivos para o Novo Ano de 2013.

E na verdade, este sentimento que temos ao iniciarmos um Novo Ano,  de fazermos novos projetos, termos novas metas é muito bom!!! Mesmo que sejam aqueles que não conseguimos concretizar no ano que passou…

Perseverança e determinação faz muuuuuita diferença quando desejamos alcançar algo. Por isso, no quesito “Organização”, não é diferente. À princípio,você até pode ficar um pouco perdida, sem saber por onde começar, como fazer para manter suas coisas organizadas. Mas, acredite! Organizar não é um bicho de sete cabeças.

Como cada pessoa tem um perfil, um determinado estilo de vida, uma personalidade, logicamente que encontraremos várias maneiras de organizar. Nada é congelado. Pelo contrário, para alguns funciona de um jeito e para outros, não.

Bem, vamos começar?

Darei algumas dicas simples  para você possa se motivar e ficar inspirada, sempre!

1 – Desapego

Por mais difícil que seja acreditar, aquele sapato que você guarda há anos e não usa atrapalha o uso de seu tempo. As roupas que  estão escondidas no fundo do armário, que você pretende usar um dia, quando a moda voltar ou quando você emagrecer, afetam a qualidade do tempo e os resultados que você alcança.

Toda a nossa ação na vida é um reflexo de modelos mentais, de padrões que adotamos (e nos acostumamos), para administrarmos a nossa existência.Quando temos muita coisa inútil guardada, verdadeiras tralhas sem finalidades, é porque estamos atulhando nossa mente com pensamentos descartáveis e nossas emoções com sentimentos que já deveríamos ter resolvido.Para muitas pessoas, o simples fato de pensar em descartar aquilo que já não tem valor ou sentido algum em reter, se torna um tormento. Todo este movimento – parar para refletir – olhar para dentro de si – é doloroso. Vemos e nos damos conta de que não estamos gostando, dá vergonha… e negamos.Por algum motivo (geralmente emocional), nos prendemos às coisas, nos tornamos reféns de seus significados e dos seus conteúdos! Insistimos em cultivar o nosso egoísmo, acumulando o que já poderia ter sido aproveitado por outras pessoas.

Desta forma meus queridos, desapegue-se!

Desapegar-se é abrir mão de tudo o que nos impede de avançar.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *